15/04/09

Passeio da Luisa Todi

Hoje ê e o Manel tivemes que irr ao banque trratarr duns assuntes. Clarro está, fomes à Prraça do Bocage qué onde tã todes! Estacionarr o carre agorra na baixa tá mai dificil que acharr uma arraia com doiss rabes. Nã ficarramos mai perrto ficames mai longe. Veio logo de lá um endrrogade pedirr uma moedinha prra comerr, ê dava-lhe a comida, querrem agulha, levarrem mas érra um peixe agulha paquelas veias inté ficarrem com os olhes todes absugades. O Manel é um sôce muita calme e lá deu vinte centimes ao endrrogade. Mas a baixa tá a ficarr benita, mais espaço prra passearr e parrece que vai ficarr mai luminouse. Tem side cá uns trrabalhes naquela avenida. Ê cá só ache é que pelo menos deverria trrablharr um setubalense ou même um porrtuguês lá da obrra.

Medande dassunte, se tens um blogue, é de Setúbal ou arredorres manda lá o teu link quê cá ponhe aqui ao lade a fazerr publicidade. A malta de Setúbal tem que se unirr, vamos lá acabarr com a deserrtidão do sul.

Abrraces do vosso Charroque.

6 comentários:

Pespireta disse...

eu cá também tenho dificuldade em estacionar o kittymobile

beijitos doces

Espiga disse...

uma arraia de dois rabes? á pá sóce, tás masé a prrecisarr dum ganda parr dóicles!

Espiga disse...

essa tá forrte! mas ê cá pensava quias a dezerr cos endrrogades crriem erra da agulha enfiada po cú acima...a pá...havia de serr cá uma dorr daquelas!!! Aí é cos ólles saltavem das orrbitas, même, même!

shampô decapante disse...

Vou apéi!

soce setubal disse...

oi pessoal o que a camerra querr e que os soces andem a apei pois pa soces apei e que ei

Face Inveja ó pessoal dos Arrabaldes disse...

Ah hóme, ê tou duma merrda terra qué Carrnaxide, sem legarr denhum prra passearr quande chegue à'nha cidade inté digue qué mentirra, tou-me a cagarre prós legarres, deixe o carre deslarrgade e faço com'óutrre soice, vou apéi!!